Category Archives: Agenda

Agenda do mês de Julho 2015

Dia 19 (Domingo), pelas 11h30 – «Mão cheia de histórias», na secção infantil da Fnac do Leiriashoping.

Dia 24 (Sexta-feira), pelas 21h30 – «Histórias ao luar», na Praça Afonso Lopes Vieira, em S. Pedro de Moel.
Esta iniciativa, da responsabilidade da Associação «Casa da Árvore», tem início no dia 3 de Julho, no Parque da Cerca, Marinha Grande, e repete-se todas as sextas-feiras, alternadamente nesses dois locais, até ao final de Agosto, sempre com contadores diferentes.

Fevereiro / Março 2015

Nos meses de Fevereiro e Março, o escritor e contador de histórias Carlos Alberto Silva deslocar-se-á a vários pontos do país, para apresentar os seus livros, contar histórias e ministrar formação. Eis alguns do eventos confirmados:

11 de Fevereiro (18h30) – Sessão para pais e filhos sobre a leitura em família, na EB1 da Fonte do Oleiro, Porto de Mós.

20 de Fevereiro (21h00) – Sessão para pais e filhos sobre a leitura em família, na EB1 do Arrimal, Porto de Mós.

21 de Fevereiro (11h00) – «Mão cheia de histórias», na loja Fnac do Leiriashoping.

Continuar a ler

Mais uma «Mão-cheia de Histórias» na FNAC de Leiria

Carlos Alberto Silva apresenta no próximo sábado, dia 19 de Julho, pelas 11h00, na FNAC do Leiriashoping, uma sequência de histórias suas e de outros autores, utilizando diversas técnicas de narração oral, entre as quais se destacam o «kamishibai» e o teatro de papel.

«Urso Castanho, urso castanho», de Eric Carle, «Porque há tantas pedras no fundo dos rios», conto tradicional africano, «O grufalão», de Julia Donaldson e «Ó Simão, seu trapalhão, já armaste confusão», de Carlos Alberto Silva, são alguns dos contos que vão encantar todas as crianças que vierem participar.

Esta é a segunda intervenção do autor neste espaço, que se tornará regular a partir de Setembro.

«Mão-cheia de Histórias» na FNAC de Leiria

Carlos Alberto Silva apresenta no próximo sábado, dia 21 de Junho, pelas 11h00, na FNAC do Leiriashoping, uma sequência de histórias suas e de outros escritores, utilizando diversas técnicas de narração oral, onde se destacam o Kamishibai e o teatro de papel. «O Livro das Palmas», «O Pintainho Atrevido» e «A História do Pequeno Bábachi» são alguns dos contos que vão encantar todas as crianças que vierem participar.
in http://www.culturafnac.pt/mao-cheia-de-historias/

Intervenções públicas em agenda

Nos próximos dois sábados, o escritor Carlos Alberto Silva participará em duas intervenções públicas.

A primeira, no dia 31 de Maio, pelas 16h30, será no Museu Municipal Dr. Santos Rocha, na Figueira da Foz, na companhia do ilustrador Gémeo Luís, com quem apresentará o livro «Loro Sa’e e o bornal das histórias». Haverá ainda a inauguração de uma exposição das ilustrações deste livro, entre outros eventos relacionados com Timor-Leste.

No sábado seguinte, dia 7 de Junho, a partir das 15h00, será a vez da apresentação de «O livro das palmas», na Feira do Livro de Leiria (que decorrerá nos pátios exteriores da Biblioteca Municipal Afonso Lopes Vieira), a convite da Fnac.

Carlos Alberto Silva na Biblioteca Municipal de Porto de Mós

Carlos Alberto Silva é o escritor convidado para dinamizar a hora do conto para pais e filhos, «Sábados a Contar», da Biblioteca Municipal de Porto de Mós, no próximo dia 3 de Março, pelas 16h00. «Ó Simão seu trapalhão…» e «O urso que perdera o coração», deste autor, são algumas das histórias a ser apresentadas. O evento decorrerá no espaço «A gruta da palavra», nesta biblioteca.

Oficina de Contadores para Pais e Filhos

Pólo de S. Mamede da Biblioteca Municipal da Batalha
25 de Julho de 2009 – 21h00

Apresentação:
Os bons leitores não se distinguem dos maus leitores em competências como a inteligência, a memória, a coordenação visuo-motora, a lateralidade ou o esquema corporal, mas, essencialmente, pelo desenvolvimento linguístico que apresentam. Isto porque o domínio de um amplo vocabulário é indispensável para a aprendizagem da leitura, quer ao nível da decifração, quer ao nível da compreensão.
Os pais, como primeiros educadores, devem, desde a mais tenra idade, desenvolver hábitos de conversação com os filhos, recitando lengalengas, rimas infantis e contos rimados, contando histórias, lendo livros para/com eles, fazendo disso um momento de prazer e de partilha de afectos.
Por isso esta «Oficina de Contadores para Pais e Filhos», onde se irão abordar algumas questões sobre a leitura e, sobretudo, praticar diversas estratégias a desenvolver em casa, entre pais e filhos.